Depressão 

​Você acorda

Você acorda e se olha

Você se olha, mas não se vê.

Você vê qualquer coisa

Qualquer coisa menos você.

Você acorda

Você acorda mas não reage

Você reage mas seu corpo

Não segue sua reação.

Você acorda

Você acorda e olha a hora

A hora passa e você fica

Você fica ou você vai

Você sabe que não dá mais.

Você acorda

Você acorda mas quer dormir

Você dorme e tem pesadelos

Dos dias que ficaram pra trás.

Você acorda

Você acorda e pede ajuda

Você pede ajuda e ninguém te vê

Você olha pro mundo e 

o mundo não olha pra você

Você acorda

Você acorda e você pisa

Você pisa mas não sai do chão

E é no chão que você fica

Você fica

Você acorda

Você acorda e sente dor 

Você sente dor mas não sabe o que dói

O que dói?

Você acorda

Você acorda e sua cama te chama

Te chama e você vai

Você não sai

(E torce pra ninguém notar que você ficou).

Autor: Carolina Ferreira

23 anos, Rio de Janeiro, aspirante a escritora, professora e sonhadora.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s